População em situação de rua: estudo da realidade vivida

  • Bruna Ceolin
  • Isabella Chiara Terra
  • Rafael Carmona

Resumo

Resumo

Este artigo aborda as vivências da população em situação de rua no município de Curitiba, e tem como objetivo apresentar os elementos que evidenciam a realidade vivida por ela. Para isto, o trabalho está dividido em três tópicos: o primeiro consiste em compreender o contexto histórico da população em situação de rua no Brasil; no segundo, realizamos o levantamento dos principais problemas enfrentados por estes sujeitos, mostrando a negligência do Estado perante o acesso aos direitos básicos e necessários para a sobrevivência e o terceiro e não menos importante, faz o relato da invisibilidade que se cria quando o assunto é a população em situação de rua. Face a isso, evidencia-se a forte tendência do Estado brasileiro em responder a estas demandas com políticas higienistas, que segregam e excluem, portanto, não possibilitam o reconhecimento deste público como sujeito de direito. Esta pesquisa é de natureza qualitativa, baseada em revisão bibliográfica. Entre as considerações finais deste trabalho, apontamos a necessidade de maior preocupação em relação à efetivação dos direitos da população em situação de rua.

Palavras-chave: População em situação de rua. Direitos sociais. Estado. Desigualdade social.

Abstract

This article addresses the experiences of the homeless population in the city of Curitiba and aims to present the elements that evidence the reality experienced by them. For this, the work is divided into three topics: the first consists of understanding the historical context of the homeless population in Brazil; in the second, we carry out a survey of the main problems faced by these subjects, showing the state's negligence of access to basic and necessary rights for survival and the third and not least, reports the invisibility that is created when the subject is the homeless population. In view of this, the strong tendency of the Brazilian State to respond to these demands with hygienist policies is evident, which segregate and exclude, therefore, do not allow the recognition of this public as a subject of law. This research is of a qualitative nature, based on bibliographic review. Among the final considerations of this work, we point out the need for greater concern regarding the realization of the rights of the homeless population.

Keywords: Homeless population. Social rights. State. Economic inequality

Resumen

Este artículo aborda las vivencias de la población de calle en la ciudad de Curitiba, y tiene como objetivo presentar los elementos que ponen en evidencia la realidad vivida por ella. Para ello, el estudio se divide en tres tópicos: el primero consiste en comprender el contexto histórico de la población en situación de calle en Brasil; en el segundo hacemos un diagnóstico de los principales problemas enfrentados por los sujetos, demostrando la negligencia del Estado respecto a su acceso a los derechos básicos y necesarios para la supervivencia y el tercero, pero no menos importante, habla sobre la invisibilidad que se genera cuando el asunto es la población en situación de calle. Frente a esos problemas, queda evidente la fuerte tendencia del Estado brasileño a responder a esas demandas con políticas higienistas, que segregan y excluyen, por lo que no posibilitan el reconocimiento de ese público como sujetos de derecho. Esa investigación es de naturaleza cualitativa, apoyada en revisión bibliográfica. Entre las consideraciones finales del estudio, apuntamos la necesidad de una preocupación más grande por hacer efectivos los derechos de la población en situación de calle.

Palabras-clave: Población en situación de calle. Derechos sociales. Estado. Desigualdad social.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bruna Ceolin

Acadêmica de Serviço, UNINTER.

Isabella Chiara Terra
Tecnóloga em Marketing e acadêmica de Serviço Social, UNINTER.
Rafael Carmona

Mestre em Ciências Sociais Aplicadas, professor do curso de Serviço Social da UNINTER

Publicado
2020-05-22
Seção
Artigos