Multiculturalismo na educação a distância (EAD)

  • Etienne Henklein Centro Universitário Internacional Uninter
  • Jomar Villanova Centro Universitário Internacional Uninter

Resumo

Este artigo visa analisar a relação entre o multiculturalismo e a Educação a Distância (EAD). Para tal, delinearam-se os seguintes objetivos específicos: (a) apresentar conceitos básicos da EAD; (b) refletir sobre o dialogismo e interatividade na EAD; (c) discutir características do multiculturalismo. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica, de caráter descritivo e exploratório, pautada por estudos desenvolvidos na área. Concluiu-se que o multiculturalismo na EAD favorece o reconhecimento de diferentes grupos sociais, pois, em um sistema democrático, o convívio harmonioso depende da aceitação de uma sociedade heterogênea.

Palavras-chave: educação; tecnologia; multiculturalismo.

Abstract

This article aims to analyze the relationship between multiculturalism and Open and Distance Learning (ODL). Therefore, the following objectives were outlined: (a) to present basic concepts of distance learning; (b) reflect on dialogism and interactivity in distance learning; (c) discuss characteristics of multiculturalism. This is bibliographical research, of a descriptive and exploratory nature, based on studies developed in the area. It was concluded that multiculturalism in distance education provides the recognition of different social groups, because, in a democratic system, harmonious coexistence depends on the acceptance of a heterogeneous society.

Keywords: education; technology; multiculturalism.

Resumen

Este artículo pretende analizar la relación entre multiculturalismo y la Educación a Distancia (EAD). Para ello, definimos los siguientes objetivos específicos: (a) presentar conceptos básicos de la EAD; (b) reflexionar sobre el dialogismo y la interactividad en la EAD; (c) discutir características del multiculturalismo. Se trata de una investigación bibliográfica, de carácter descriptivo y exploratorio, basada en estudios desarrollados en el área. Se concluye que el multiculturalismo en la EAD favorece el reconocimiento de diferentes grupos sociales, pues, en un sistema democrático, la convivencia armónica depende de la aceptación de una sociedad heterogénea.

Palabras-clave: educación; tecnología; multiculturalismo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Etienne Henklein, Centro Universitário Internacional Uninter

Professora e Especialista em Metodologia do Ensino da Arte pelo Centro Universitário Internacional Uninter.

Jomar Villanova, Centro Universitário Internacional Uninter

Professor e Especialista em Fundamentos do Ensino da Arte pela Faculdade de Artes do Paraná.

Referências

ALVES, L. Educação a distância: conceitos e história no Brasil e no mundo. Revista Brasileira de Aprendizagem Aberta e a Distância, Rio de Janeiro, v. 10, 2011.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais: pluralidade cultural, orientação sexual. Brasília: MEC/SEF, 1997.

CHIAVENATO, I. Administração de Recursos Humanos. São Paulo: Manole, 2016.

COQUEIRO, N. P. S.; SOUSA, E. C. A educação a distância (EAD) e o ensino remoto emergencial (ERE) em tempos de Pandemia da Covid 19. Brazilian Journal of Development, Curitiba, v. 7, n. 7, p. 66061-66075, 2021.

DRUCKER, P F. Administrando em Tempos de Grandes Mudanças. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2002.

ESPÍRITO SANTO, E. et al. Mediação Pedagógica na Educação a Distância: um mosaico de ideias na perspectiva da formação do tutor presencial. TICs & EaD em Foco, São Luís, v. 2, n. 1, 2016.

JORDÃO, R. G. S. R. Os impactos da crise e o crescente protagonismo do trabalho remoto no mundo pós-coronavírus. Revista do Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região, [S.l.], v. 24, n. 1, p. 197-206, 2020.

LIMA, A. A.; SANTOS, S. C. A. Gestão do processo de produção de materiais didáticos para EAD. In: CONGRESSO INTERNACIONAL ABED DE EDUCAÇÃO A

DISTÂNCIA, 18., 2012, Natal. Anais [...]. Natal: Abed, 2012.

MEDEIROS, L. L. Sentidos de docência em tempos de EAD. 2016. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2016.

MORAN, J. M.; VALENTE, J. A. Educação a distância. São Paulo: Summus Editorial, 2015.

OLIVEIRA, L. C.; OLIVEIRA, C. R. Representações culturais de países hispano-falantes: um olhar para recursos visuais no contexto da EaD. Fórum Linguístico, v. 14, n. 3, p. 2334-2348, 2017.

OLIVEIRA, E. O, et al. A educação a distância (EaD) e os novos caminhos da educação após a pandemia ocasionada pela Covid-19. Brazilian Journal of Development, Curitiba, v. 6, n. 7, p. 52860-52867, 2020.

ORTIZ, F. C. Conflitos e barreiras culturais à comunicação: uma pesquisa empírica em ecossistemas multiculturais. Organicom, [S.l.], v. 11, n. 20, p. 189-203, 2014.

QUADROS, D. et al. Portfólio: tecendo conhecimentos nos cursos de licenciatura em EaD. In: ANPED SUL, 11., 2016, Curitiba. Anais [...]. Curitiba: UFPR, 2016.

SAITO, C. N. I; GUIMARÃES, L. M. B. Redes em expansão: Desafios EAD-FAV/UFG e o Projeto Rede de Conexões e Pesquisas: um campo experimental nas artes visuais. In: SIMPÓSIO NACIONAL DA ABCIBER, 5., 2011, Florianópolis. Anais [...]. Florianópolis: UDESC/UFSC, 2011.

SILVA JÚNIOR, J. R.; MARTINS, T. B. Formação e certificação em massa e abordagens do multiculturalismo e das competências na educação a distância: implicações ao trabalho docente. Revista Histedbr On-line, [S.l.], v. 13, n. 51, p. 238-251, 2013.

SOSNOWSKI, K. Ambientes virtuais de aprendizagem: espaços multiculturais. 2011. Dissertação (Mestrado em Artes Visuais) - PPGAV-UDESC, Florianópolis, 2011.

SOUSA, A. G. et al. O multiculturalismo e a formação de professores de ciências biológicas. REAMEC-Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, [S.l.], v. 7, n. 3, p. 111-125, 2019.

Publicado
2022-03-09